quinta-feira, 31 de julho de 2008

Atualizando os resultados do WCT

Fala Galera do Surf da net e das ondas!

Mais um round da 6ª Etapa do WCT foi disputado.

Começou ao final da tarde de ontem e terminou de madrugada.

Quem assistiu ao vivo, pode ver 3 brasileiros em ação.

Porém só 1 conseguiu a classificação, o Adriano de Souza, Mineirinho.

Nas outras baterias foram eliminados, Jihad Kodr e Bruno Santos, que infelizmente não conseguiu traçar uma boa tática de posicionamento nas ondas e acabou perdendo a vaga para aproxima fase para o norte americano Bobby Martinez.

Mineirinho disse ao site Waves o que espera para este ano de 2008 e pelo que vi, acho que 2009 será surpreendente, já que este ano ele não esperava estar onde está.

“Este é meu terceiro ano no WCT e ainda estou em fase de acertar os
ponteiros. Coloquei para mim a meta de aprender a surfar como os grandes nomes do surf, principalmente em ondas como Teahupoo e Fiji", diz Mineiro.

"O ano passado foi um pouco complicado para mim. Quebrei todas as minhas pranchas mágicas e tive dificuldade de estar no topo, tive que dar um gás pelo WQS. Já neste ano quero manter meu foco no WCT e não passar mais sufoco para me reclassificar", revela o brazuca.

Vamos ficar de olho na performance deste grande surfista.

Ainda tem mais brasileiros programados para entrarem em ação nas próximas baterias do Round 2. Vamos torcer!


Confira os resultados do Round 2 e as baterias pendentes:

1 Taj Burrow (Aus) 13.34 x Komang “Gogo” Suijaya (Ind) 5.53
2 Bede Durbidge (Aus) 18.46 x Owen Wright (Aus) 15.73
3 Adriano de Souza (Bra) 14.17 x Made Garut Widiart (Ind) 7.40
4 Bobby Martinez (EUA) 18.16 x Bruno Santos (Bra) 10.57
5 Jeremy Flores (Fra) 9.67 x Ricky Basnett (Afr) 4.63
6 Adrian Buchan (Aus) 17.90 x Daniel Ross (Aus) 9.80
7 Tom Whitaker (Aus) 9.27 x Jihad Khodr (Bra) 7.50
8 Tim Reyes (EUA) 10.17 x Travis Logie (Afr) 5.77
9 Ben Burgeois (EUA) 12.50 x Taylor Knox (EUA) 9.66
10 Royden Bryson (Afr) 10,27 x Jordy Smith (Afr) 6.67


Baterias restantes do Round 2:

11 Dane Reynolds (EUA) x Daniel Wills (Aus)
12 Fredrick Patacchia (Haw) x Leonardo Neves (Bra)
13 Pancho Sullivan (Haw) x Neco Padaratz (Bra)
14 Jay Thompson (Aus) x Mikael Picon (Fra)
15 Ben Dunn (Aus) x Heitor Alves (Bra)
16 Luke Munro (Aus) x Mick Campbell (Aus)


ALOHA!





quarta-feira, 30 de julho de 2008

Expectativa de Show nos mares da Indonésia

Fala Galera do Surf da net e das ondas!

Agora não tem mistério, o WCT da Indonésia começou e a etapa se realiza nas lindas esquerdas de Padang Padang m Bali.

Hoje já rolou o 1º Round e somente um brasileiro passou direto para a 3ª Fase, foi o gaúcho Rodrigo Dornelles, o Pedra.

Foto fornecida pelo site Waves em parceria com o blog FreestyleWaves

As ondas estavam grandes e perfeitas e apesar de somente 1 brasileiro ter se classificado diretamente, os outros têm ainda chances na repescagem.

As apostas podem ser feitas no surf de Adriano de Souza, o Mineirinho, Heitor Alves, que este ano vem fazendo grandes apresentações e principalmente Bruno Santos, único surfista além de Kelly Slater, que venceu uma etapa do WCT em 2008.

E é sobre este carioca que eu vou falar.

Bruno Santos é surpreendente!

Ele não faz parte da elite do surf e só compete por ser convidado, ou por se classificar nas vagas que sobram em cada etapa, o que é muito difícil pois é bem restrito.

Foto fornecida pelo site Waves em parceria com o blog FreestyleWaves

Nas etapas em que foi convidado sempre mostrou qualidade e desbancou os prós.

Este ano competiu no Tahiti e venceu na temida onda de Teahupoo.

Em 2007 foi convidado pra disputar na onda de Los Gringos no Chile e ficou em 5º lugar.

Por isso falou em tubo, falou em Bruno Santos.

Só para se ter uma idéia, ele perdeu neste primeiro round, mas por muito pouco e a somatória obtida por ele na bateria seria suficiente pra vencer quase todas as outras baterias. Ele tirou 18,03 de 20 pontos possíveis, contra 18,40 de Joel Parkinson.

Confira as notas do 1º dia do evento:
Primeira fase

1 Rodrigo Dornelles (Bra) 10.90, Jeremy Flores (Fra) 9.87, Jay Thompson (Aus) 7.73
2 Damien Hobgood (EUA) 10.90, Bobby Martinez (EUA) 7.50, Travis Logie (Afr) 3.13
3 Tiago Pires (Por) 12.10, Adriano de Souza (Bra) 11.34, Pancho Sullivan (Haw) 9.10
4 C.J. Hobgood (EUA) 15.84, Fredrick Patacchia (Haw) 15.33, Jihad Khodr (Bra) W.O
5 Andy Irons (Haw) 18.40, Dane Reynolds (EUA) 10.17, Daniel Ross (Aus) 5.37
6 Roy Powers (Haw) 14.00, Bede Durbidge (Aus) 12.34, Ricky Basnett (Afr) 11.23
7 Joel Parkinson (Aus) 18.40, Bruno Santos (Bra) 18.03, Jordy Smith (Afr) 14.50
8 Kelly Slater (EUA) 19.17, Tim Reyes (EUA) 15.00, Komang “Gogo” Suijaya (Ind) 9.33
9 Mick Fanning (Aus) 14.67, Taylor Knox (EUA) 6.93, Owen Wright (Aus) 6.60
10 Bruce Irons (Haw) 17.77, I Made Garut Widiart (Ind), 12.43, Taj Burrow (Aus) 11.83
11 Chris Ward (EUA) 17.03, Ben Bourgeois (EUA) 16.23, Adrian Buchan (Aus) 16.00
12 Kai Otton (Aus) 15.10, Ben Dunn (Aus) 10.84, Royden Bryson (Afr) 10.40
13 Luke Stedman (Aus) 8.50, Luke Munro (Aus) 8.00, Daniel Wills (Aus) 6.10
14 bDean Morrison (Aus) 14.80, Leonardo Neves (Bra) 14.44, Mick Campbell (Aus) 12.90
15 Kieren Perrow (Aus) 17.70, Tom Whitaker (Aus) 10.67, Neco Padaratz (Bra) W.O
16 Dayyan Neve (Aus) 15.83, Heitor Alves (Bra) 10.53, Mikael Picon (Fra) 10.17

Quem quiser acompanhar a próxima fase é só entrar no link para ver ao vivo:
http://live.ripcurl.com/index.php?vividas
Os confrontos da 2ª Rodada são:

1 Taj Burrow (Aus) x Komang “Gogo” Suijaya (Ind)
2 Bede Durbidge (Aus) x Owen Wright (Aus)
3 Adriano de Souza (Bra) x Made Garut Widiart (Ind)
4 Bobby Martinez (EUA) x Bruno Santos (Bra)
5 Jeremy Flores (Fra) x Ricky Basnett (Afr)
6 Adrian Buchan (Aus) x Dan Ross (Aus)
7 Tom Whitaker (Aus) x Jihad Khodr (Bra)
8 Tim Reyes (EUA) x Travis Logie (Afr)
9 Taylor Knox (EUA) x Ben Bourgeois (EUA)
10 Jordy Smith (Afr) x Royden Bryson (Afr)
11 Dane Reynolds (EUA) x Daniel Wills (Aus)
12 Fredrick Patacchia (Haw) x Leonardo Neves (Bra)
13 Pancho Sullivan (Haw) x Neco Padaratz (Bra)
14 Jay Thompson (Aus) x Mikael Picon (Fra)
15 Ben Dunn (Aus) x Heitor Alves (Bra)
16 Luke Munro (Aus) x Mick Campbell (Aus)


Agora Bruno Santos vai enfrentar o Norte Americano, Bobby Martinez que manda muito nesse tipo de onda também.

Vale a pena conferir!

Quem será que passa desta fase?

ALOHA!


terça-feira, 29 de julho de 2008

PRANCHA BRANCA ou PINTADA?

Fala Galera do Surf da net e das ondas!

Todo mundo que surfa, conseqüentemente admira as pranchas de surf, é natural, como um músico com seu instrumento e por aí vai.

Tem gente que gosta da prancha tradicional, branca, só com a seda do shaper ou da marca, é como um carro original.

Porém tem aqueles que preferem dar uma personalizada na prancha e mandar um desenho de canetão.

Tem aqueles que gostam só de um detalhe colorido.

Os que adoram um degradê, ou mesmo aqueles que fazem a prancha numa cor só.

Eu acho que são fases. Eu mesmo já fiz prancha com algum desenho e toda branca.

E agora to querendo mandar um desenho na minha prancha.

Tem muita coisa legal que dá pra se fazer.




Quem quiser conferir um pouco do que dá pra ser feito pode entrar nos sites:
http://www.lostenterprises.com/
http://www.tiuba.com/


DESENHO E CANETÃO




PINTURA NA PRANCHA
Com pintura ou sem, o que importa é colocar ela na água e aproveitar.

ALOHA!


sexta-feira, 25 de julho de 2008

SURFISTA BROTHER - Nathan Brandi

Fala Galera do Surf da net e das ondas!

Acho importante que este blog dê destaque aos surfistas da nova geração e mostre assim que tem uma galera aí com muito surf no pé.

No último post eu apresentei um Surfista Brother, o TOM.

Neste, vou apresentar outro brother que QUEBRA TUDO!

NATHAN BRANDI.

Conheci o Nathan no Quintal da sua casa, a praia de Pitangueiras, onde ele costuma treinar e uma onda que já lhe rendeu bons resultados, como a vitória no Quiksilver King of the Groms, em que ele garantiu classificação para disputar o mesmo campeonato em versão internacional, na França.

E também a impressionante atuação no WQS este ano, em que ele entrou na fase pre-eliminar e se classificou pro evento principal, competindo de igual para igual com tops nacionais e mundiais, vale lembrar que ele tem somente 16 anos e ainda é amador, surfa desde os 3 anos de idade.

Nesta etapa ele chegou até o Round dos 48 surfistas, quando teve de abandonar a bateria por uma lesão no joelho.

Nathan é um atleta dedicado e com talento natural para o surf.

Este Goofy Footer, se dá bem em ondas de qualquer tamanho.

Surfista de manobras fortes e muita velocidade, ele mostra atitude nas ondas, seja passeando dentro dos tubos como este em Padang Padang, Bali ou nos seus aéreos radicais.

Apesar da pouca idade, já surfou ondas em vários pontos do mundo como Perú, Hawaii, França e Indonésia.

E é da trip para o Hawaii que ele guarda as melhores lembranças.

Nathan é de uma família de surfistas, seu pai Murilo Brandi, surfista das antigas, iniciou a família no surf, hoje tanto Nathan quanto sua irmã Kaena Brandi colecionam bons resultados nos circuitos regionais e nacionais.

Com apenas 16 anos, o jovem talento do Guarujá já acumula resultados bem expressivos:

1° colocado no King of the Groms sub 16

1° colocado no Brasileiro Amador na Bahia categoria junior.

Bi-campeão Guarujaense iniciante.

Participou por 2 vezes na equipe brasileira no Pro Mundial ISA

Além de vários outros bons resultados em campeonatos pelo Brasil.


Hoje ele conta com os patrocínios da Rusty, Nike 6.0 e Central Surf.

É bom ver também as marcas fortes apoiando os jovens talentos nacionais.

Pode ter certeza que o Nathan ainda trará muitos títulos para o Brasil.

Boa sorte Nathan que você tem futuro!

ALOHA!


quarta-feira, 23 de julho de 2008

SURFISTA BROTHER- Tomaz Alves

Fala galera do Surf da net e das ondas!


Hoje vou mostrar pra vocês o perfil de um surfista que eu conheço há algum tempo.


O Tomas Alves, ou TOM, nasceu em Peruíbe e o quintal de sua casa é a Praia do Guaraú e foi lá que conheci ele, aos 12 anos de idade, fazendo estrago nas ondas e mostrando um surf promissor.




Desde pequeno, ele mostrava talento pro surf e muita atitude nas ondas, sempre encarando as maiores da série, aliás hoje em dia ele assume que gosta mesmo é de onda grande!





Atualmente ele treina no Guarujá e foi lá que o videomaker e surfista Tymer Maricato registrou esse atleta em ação.


Confira um pouco de show de surfe desse garoto dedicado e com talento pro esporte, quebrando tudo na praia de Pitangueiras e Tombo há 2 anos atrás, quando ele ainda tinha 15 anos.


video


O Tom conta hoje com o patrocínio da WG.

ALOHA!



segunda-feira, 21 de julho de 2008

Barco misterioso coloca suspense na próxima etapa do WCT

Fala Galera do Surf da net e das Ondas!


A próxima Etapa do WCT, o Tour dos Sonhos, já tem um mistério normal à sua volta, já que o patrocinador não anuncia exatamente onde será realizada a etapa, divulgando somente que será em algum lugar da Indonésia.


Eu disse anteriormente que anunciaria onde é este lugar, mas antes tem mais suspense no ar.


Há umas 2 semanas, surgiu mais uma peça pra apimentar esta disputa.


Um barco suspeito apareceu do nada na praia onde se realizará o evento e encalhou na bancada de coral que forma as ondas perfeitas deste pico.



Foto: Darcy


Nenhuma providência da Guarda Costeira foi tomada e os esforços para mover o barco foram todos realizados pela comunidade local, que apesar da boa vontade, nada conseguiram fazer para remover a embarcação.


Com a maré cheia, eles tinham a chance de tirar o barco de cima da bancada, porém sem o equipamento ideal e com a força da entrada do swell, a tentativa foi frustrada e a embarcação acabou se deslocando para as pedras.


A galera não tá nem aí e continua surfando ao lado do velho barco que agora também aparece nas fotos.
Foto: Darcy

O suspense maior está na origem do barco, que segundo a Marinha de Taiwan, ele estava sumido desde o dia 13 de Maio e desde o dia 26 de Junho a Marinha pede ajuda aos pescadores para encontrarem a embarcação.

O mais curioso é que só havia uma pessoa à bordo e o resultado da pesca, o que indicava que ele não estava abandonado.


Boatos dizem que os tripulantes se rebelaram, mataram o capitão e abandoram o barco.



Foto: Darcy

Eu realmente não sei o que rolou, mas não perco esse campeonato ao vivo!



ALOHA!

quinta-feira, 17 de julho de 2008

Pico de Sonho - Somewhere in Indonesia

Fala galera do surf da net ou das ondas!


A próxima parada do Tour dos Sonhos é num lugar paradisíaco e de deixar qualquer um com vontade de xingar o trabalho e pedir férias!


Mas... se não dá pra estar lá, pelo menos confira as imagens aqui e depois a transmissão ao vivo pela internet que promete!


Ah... eu nem cheguei a falar que lugar é este né. Mas tudo bem, não vou falar mesmo. O Patrocinador do evento diz que só que é: "Somewhere in Indonesia".


Eu sei, mas se falar não tem mistério. Depois conto mais sobre este lugar.


Aproveitem as fotos pra curtir o pico.



Para os surfistas, ESQUERDA DE SONHO.




PARA QUALQUER SER HUMANO... perfeição da natureza!







ALOHA!


Mineirinho representa a pátria

Fala galera que surfa na net ou nas ondas!

Acabou hoje a 5ª etapa da Divisão de Elite do Surf Mundial, o WCT.

Pra variar deu Kelly Slater. Ele que ganhou 4 das 5 etapas disputadas neste ano.

Mas eu não vou ficar falando do Kelly, mas sim de um surfista que sempre encheu os olhos da torcida do surf brasileiro.

Agora mais do que nunca, pode-se dizer que o Brasil está realmente caminhando para ter o tão sonhado campeão mundial de surf.

Mineirinho está bem centrado e mudou suas estratégias para ter um grande ano no Circuito Mundial. Isso já pode ser visto, com suas recentes apresentações, obtendo 2 vezes a 9ª colocação, 2 vezes a 5ª colocação e um pódium na 3º colocação em FIJI, o que o fez ficar no TOP10, com a 6ª colocação no ranking dos TOP45 que compõem o WCT.


A estratégia de chegar com 15 dias de antescedência no local da competição, está dando certo, tanto que ele acredita que poderá ainda este ano ganhar alguma etapa, talvez na França, Espanha ou Brasil.

A gente continua torcendo e tem certeza que potencial não falta. Vale outra torcida também, para que Kelly Slater não atrapalhe o caminho do futuro campeão.


Adriano de Souza e Kelly Slater, Billabong Pro 2008 em Jeffreys Bay, África do Sul. Foto: Aleko Stergiou.


Será que os brasileiros vão ter que esperar a aposentadoria de Kelly Slater pra conseguir ter o 1º campeão mundial?]
BOA SORTE MINEIRINHO!

Adriano de Souza, Billabong Pro 2008 em Jeffreys Bay, África do Sul. Foto: Aleko Stergiou.


ALOHA!




"Mais um brasileiro tentando ser campeão mundial de alguma coisa! É cada um que me aparece viu! E ainda copia o nome do outro lá dos skates, que faz uns giros e tal, que namora a patinadora meio macho. Rapaizinho, em Minas nem praia tem, como é que você pode ser campeão mundial?!"

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Esperando o final de semana

Fala galera do Surf da net e das ondas.

Acho que todo mundo vive esperando o fds, pelo menos na nossa idade e condição.

Talvez agora com folga da facul, o pessoal ainda fica meio assim, consegue aproveitar, mas quem surfa... é um desespero.

Eu nem falo mais, já acostumei a ficar uma cara sem surfar, o difícil é quando você começa a ir surfar direto, aí é que o bixo pega, quando para vem aquela deprê da falta de surfe.

E os momentos que antecedem, além de serem demorados, são sempre relacionados ao surfe.

Vai entrando no site pra ver as condições do mar, a previsão das ondas pro sábado e assim vai, só monitorando pra ver o que vai rolar no fds.

O tenso é chegar na praia e ver aquele mar flat, mas tá valendo, sempre vale a pensa curtir uam praia, sol e aquela vibe, principalmente se tiver bem acompanhado e naquele lugar especial.

ALOHA!

Só ele pega tubo com cerveja

Fala Galera do Surf da net e das Ondas.

Não dá pra falar de surf e não falar de Kelly Slater!


Esse vídeo mostra um dos momentos marcantes da carreira dele, que mostram q o cara pode chegar a 2 extremos numa final.


De um lado, ele tem a concentração necessária pra bater um recorde incrível, ùnico cara a fazer uma bateria PERFEITA, somando 2 notas 10, com total de 20 dos 20 possíveis e isso tudo numa final de WCT numa das ondas mais perigosas do mundo, a onda de Teahupoo no Tahiti.


E do outro lado, ele ainda consegue descontrair e surfar esse tubo na mesma final, com uma lata de cerveja na boca, e ainda bebe depois de sair do tubo pra comemorar mais uma GRANDE vitória.

video

Aos poucos, quem não conhece esse astro do surf, pode começar a entender porque ele é O CARA!

ALOHA!

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Quem segura o rei?

Fala comunidade surfista das ondas e da net!

Como eu mostrei no último post, está rolando a 5ª Etapa do WCT, campeonato que reúne os 45 melhores surfistas do mundo. Esta é a etapa de Jeffreys Bay, que distribui 320 mil dólares para os competidores.

Mas uma das perguntas que está sendo feita no momento é: Quem vai conseguir barra o Rei, o carequinha, o Extra Terrestre, 8 vezes campeão mundial e incrível competidor, Kelly Slater.

Ao total serão 11 etapas este ano e das 4 disputadas até agora ele ganhou só 4 etapas!

São computados os 9 melhores resultados ao final das 11 etapas, ou seja, se acabasse hoje, Kelly Slater só computaria as etapas em que saiu vencedor.

Por isso, se não pararem ele nesta etapa ficará difícil impedir o 9º título do rei do surfe profissional!

O 3º lugar na classificação final do ranking de 2007 fez com que ele se empolgasse e focasse para ganhar estas etapas em 2008.

Confira o Currículo DO CARA!

Idade: 36 anos
Nasceu em: Cocoa Beach, Flórida, USA.
Shaper: Al Merrick
Ondas Favoritas: Kirra e Pipeline
Quanto faturou em campeonatos na sua carreira: 1,683,205.00 de dólares
Estréia no WCT: 1991
Campeão Mundial em: 1992, '94, '95, '96, '97, '98, '05 and '06
Detalhe, Kelly Slater largou as competições quando foi campeão em 1998. Depois de 5 anos longe das competições, voltou em 2003, após os títulos de Andy Irons, tri-campeão mundial, pois encontrou alguém com quem pudesse competir. Hoje, em 2008, após todos estes anos de surf e títulos, parece que ninguém está em condições de vencê-lo novamente, apesar do título de 2007 ter ido pro australiano Mick Fanning.

Classificações finais na história do WCT:
2007: 3º
2006: 1º
2005: 1º
2004: 3º
2003: 2º
1998: 1º
1997: 1º
1996: 1º
1995: 1º
1994: 1º
1993: 6º
1992: 1º

RECORDES:
- Maior campeão mundial, 8 vezes.
- Mais novo campeão mundial, 20 anos.
- Mais velho campeão mundial, 34 anos.
- Único surfista a atingir o somatório total Perfeito numa bateria, nota 20.
- Maior número de vitórias em etapas do WCT, 34.
- Maior número de vitórias na etapa de Pipeline, 5 vezes.
Esse sim pode ser chamado de FENÔMENO!
ALOHA!

Pico de Sonho Jeffreys Bay



Fala Galera do surf da net ou das ondas!



No último post, apresentei um pouco dos campeonatos de surfe e principalmente o chamado Dream Tour, o WCT que envolve os TOP 45 do mundo

Hoje começou a 5ª etapa do WCT, na África do Sul, que acontece em Jeffreys Bay, na onda de SUPERTUBOS, com certeza uma das melhores direitas do mundo (onda que quebra para a esquerda de quem vê da praia e pra direita de quem está surfando).


Essa é mais uma nomenclatura que quem só surfa na net pode começar a se familiarizar, direitas e esquerdas!

Enquanto eu estou escrevendo esse post, tô daquele jeito, um olho no post, outro no campeonato que é tranmitido ao vivo pela internet. Aliás quem quiser começar a acompanhar os campeonatos de surf ao vivo é só acessar o site http://www.aspworldtour.com/ . Lá é possível achar os links pros campeonatos.

Quem quiser ir direto ao site pra assistir a etapa de Jeffreys Bay é só entrar no site http://www.billabongpro.com/

Essa praia é outro paraíso, mas muito mais pra quem surfa do que pra quem fica na areia, isso porque é inverno no hemisfério sul, e a África do Sul, fica bem abaixo do continente Africano.

A água é bem gelada e só pode ser surfada com roupa apropriada, os chamados "jonhs", feitos de neoprene.

Confiram algumas fotos dessa onda bem extensa e com formação perfeita, que pode ser surfada por um longo tempo, já que o tamanho dela se mantém quase o mesmo por um bom tempo, percorrendo toda a bancada de pedra e corais.

Logo mais mostro algumas imagens atualizadas da etapa e os resultados.

Já adianto que dos 6 brasileiros que competem no tour, passaram direto para a próxima fase, o atual número 4 do mundo, Adriano de Souza, o Mineirinho, numa bela exibição e o carioca Léo Neves que ganhou no finalzinho.

Confiram as fotos deste Pico dos sonhos!



ALOHA!

terça-feira, 8 de julho de 2008

Rumo ao ócio

Fala Galera que surfa na net ou nas ondas!
Depois do meu post de ontem, recebi uns comentários de amigos e da MANU (valeu!) que me fizeram pensar sobre o post de hoje.
Além de tudo isso ainda teve o post do Eric no http://www.freestylemoney.blogspot.com/ que tem tudo a ver com o que eu to falando, por isso, resolvi deixar a galera com mais vontade de buscar o ócio.
Não vou entrar muito neste tema, porque este blog num é pra associar a imagem do surf ao ócio, mas como paisagens paradisíacas têm tudo a ver, então vamo lá.
Pra quem não conhece muito de surf eu vou fazer uma introdução pra entenderem um pouco, calma que não vou fugir do assunto.

O Surf Profissional está dividido em várias categorias: Os campeonatos nacionais e regionais, dentro de cada país, estado, município ou mesmo continente e os Internacionais que têm 2 níveis, o WQS e o WCT.

O WQS é como se fosse uma divisão de acesso para o WCT (este é o maior de todos). No WQS os surfistas competem em várias etapas pelo mundo todo, inclusive Brasil, em competições de níveis variados, 3, 4, 5, 6 estrelas (que vão variar o número de pontos a serem distribuidos e a grana). No WQS são classificados 15 surfistas que vão para o WCT e é deste que eu vou falar e mostrar onde rola, aí é que vocês vão curtir.
No WCT, são 12 etapas em alguns pontos seletos do Mundo, inclusive 1 no Brasil. Hoje, temos 6 brasileiros neste ranking dos, mas não vou entrar ainda neste assunto.
O que eu quero dizer é que eles competem o ano todo em 12 etapas em picos paradisíacos ou pelo menos interessantes como:
- Austrália
- Tahiti
- Fiji
- África do Sul
- Califórnia
- França
- Espanha (numa pequena vila na parte basca)
- Brasil (Santa Catarina, lugar que ninguém gostaria de estar agora né?!)
- Hawaii

Num vou nem falar muita coisa... este ano algumas etapas já rolaram, as 2 da Autrália, Tahiti e Fiji e essa semana começa o Billabong Pro Jeffreys Bay, na África do Sul, confiram as imagens de Fiji, onde rolou a etapa passada do circuito mundial.



















Amanhã mostro outro lugar.
Adriano Mineirinho em ação na 4ª etapa do WCT, no Globe Pro Fiji.

Imagina uma rede e uma caipirinha, já que ninguém vai dirigir mesmo nesse lugar! Ô beleza!

ALOHA!

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Acompanhando o Ritmo da Rede

Olá comunidade surfista da net, ou das ondas!

Eu começo minha participação nesta rede, dizendo que se você gostaria de estar em outra rede agora, você é como eu.

É isso aí, uma daquelas redes indígenas, típicas do Nordeste, símbolo de descanso e ócio.

Tá mas não é bem ócio que eu quero representar.

Neste blog falarei de surf e assuntos específicos deste mundo salgado, como campeonatos, novos atletas, a eterna espera de um brasileiro campeão mundial de surf e outras coisas relacionadas a este esporte que é também um estilo de vida.

Mas se o mais perto de surfar que você chega é surfar na internet, não se preocupe meu amigo, porque ultimamente estamos na mesma praia, se é que dá pra se usar este termo no meio deste monte de concreto que é São Paulo.
Ilustração: Tiago Baeta
Enfim, como eu dizia, a rede não representa o ócio mas sim nossa vontade que é abortada, pela necessidade de emprego, estudo e estas coisas do dia-a-dia.
O Surf não é só um esporte que pode servir como meio de ganhar dinheiro (mesmo que pouco), mas é sim um estilo de vida, com que muitas pessoas podem se identificar, mesmo quem não surfa.

Se você olha pela janela da sua casa ou do seu escritório e pensa como seria bom ver uma paisagem menos poluída, mais arborizada, enfim, você preferia estar mesmo era numa rede de durmir, então venha ter uma folga no seu dia e dê sua opinião no FreestyleWaves.

ALOHA!